quinta-feira, março 23, 2006

num dia chuvoso...

...como o de hoje soube bem ouvir isto.


Echo & The Bunnymen - "Seven Seas(Best Of)"


Sade - "Best Of"

25 comentários:

Del Giorgio disse...

Com chuvinha e tal, apetece-me ouvir isto Parov Stelar - Rough Cuts.

Joe disse...

qualquer dia são mais colectâneas dos echo do que ábuns de originais. Mas é como dizes, sabe sempre bem ouvir aquele momento "burning my bridges and smashing my mirrors", and soyon and soyon...

eduardo disse...

e eu a pensar que me iam insultar por ter colocado a Sade em destaque...
Os Echo e o mau tempo andam de mãos dadas. Basta topar as capas e os videos e o facto de envergarem gabardinas em tudo que é foto.

superpiloto disse...

eu é mais Smog, quando está mau tempo. Sade em grande ... lembro-me de ler uma entrevista ao Steve Shelley, talvez há 2 anos em que ele dizia que andava numa de Sade e não conseguia sair de lá.
Tb acho que estava contigo num concerto dos Faith No More, numa altura em que já não gramávamos aquilo mas tinhamos bilhetes de borla, onde os gajos a certa altura fizeram uma versão de Sade, acho que foi o momento que mais gostei nessa noite.

eduardo disse...

eu estava nesse concerto mas não me recordo dessa versão.Lembro-me de tocarem o "Easy" e outra mais calma mas se era Sade ou não... Esta memória!

superpiloto disse...

acho que começou só com harmónica (ao estilo dub narcotic) e o gajo a cantar à cappela ou qualquer coisa assim

dedos-bionicos disse...

há uns anos atrás num trabalho que tive apanhava todos os dias com este best off da Sade, 8 horas por dia sempre sempre Sade, acabei por enjoar....

atari disse...

n tenho paciência para essa gaija!

superpiloto disse...

assim é lixado, quem não enjoaria

dedos-bionicos disse...

O chefão daquilo não enjoa nunca pelos vistos, porque passado uns tempos fui lá e continuava a Sade a rodar....

Del Giorgio disse...

A Sade tem 1 bom embalo mas é chatito. Tem boa voz mas não me apetece ouvi-la. Gosto + do ritmo dos baixos. Muito nice.

superpiloto disse...

Como não tenho nada dela, nunca me chateou e quando a escuto de lanço acho que tem uma voz fantástica e excelentes músicos (que não estragam tudo) a acompanhá-la, para além disso aprecio a calma e a postura dela.

atari disse...

xiça! rais parta a gaija...

Pedro Carvalho disse...

Acho que todos já tivemos a nossa fase "Sade". A minha já lá vai há muito, e agora é tipo musica de elevador; se não a puser mudar, tudo bem, também não chateia. Quanto aos Echo, esses sim, são sempre boa banda sonora para um dia de chuva ou uma noite fria - já agora Cap., os Echo fazem mais o meu estilo no género "musica para andar de carro". Mas nesse género os Mclusky são imbativeis com o Do Dallas (se bem que a coisa possa dar em despiste). Genericamente tudo o que tenha um baixo minimamente rápido e bem delineado se enquadra no género.

Joe disse...

Eu continuo a gostar do diamond life. O resto é muito renhónhó, não aquece nem arrefece, muito antes pelo contrário.

superpiloto disse...

só tenho um disco dos Echo ..., o ocean rain, pode parecer óbvio mas adoro the killing moon (ainda gosto mais da versão pavement).

o disco saiu quando eu tinha 7 anos e lembro-me que uma prima minha mais velha só ouvia estes gajos e os Cure.

quando vi o filme Lost Boys fiquei agarrado à versão que estes fizeram de people are strange, a vhs do videoclube ficou toda ratada de tanto andar para trás e rever a cena dessa música. tinha pouco mais de 10 anos. mas agora é tão raro ouvi-los.

há cerca de um mês estava a ver o flipside com o meu filho e começou a passar o video de killing moon, eu disse-lhe que adorava essa música quando tinha a idade dele. ok, ele começou a gozar-me por causa da figurinha deles. naquela altura o pessoal vestia-se mesmo mal e os penteados eram ridículos, estes nem eram assim tão maus.

Pedro Carvalho disse...

o meu disco preferido dos Echo é o Heaven Up Here; não o conheci quando saiu - nessa altura teria un 12 anos e andava a ouvir uma data de grupos portugueses, os duran duran e tudo o que passava no vivamusica. Cheguei ao disco depois do Ocean Rain, por volta de 85, o killing moon (ouvido no som da frente) foi a porta de entrada e o facto de os Echo serem a banda preferida do Robert Smith fizeram-me repescar os discos que estavam para trás; curiosamente os Echo valem pelo que fizeram até ao Ocean Rain - o resto não está à altura e parecem-me apenas imagens pálidas dos Echo do periodo 80-84. Lembro-me que, nessa altura, ridiculo era ver alguém com calças boca-de-sino; hoje talvez o visual eightie pareça muito foleiro, mas qualquer dia há-de voltar a estar na moda. Eu por mim achava o maximo (e no fundo continuo a achar).

superpiloto disse...

tudo depende do que considerar-mos visual 80's, há o 80's subterrâneo e o 80's mainstream e muitos outros 80's.
encontramos em todos coisas com piada e coisas ridículas, algumas até valem a pena a recuperação, outras deviam ficar bem enterradinhas.

O penteado do bono, do futre, do chalana, do nick kershaw, do limahl; as calças largas nas coxas e afuniladas nos tornuzelos com as baínhas acima destes; as sanjo; as camisas largas com cornucópias ... a lista a enterrar não parava.

felizmente vivemos numa época de ecletismo em relação a tudo e mais alguma coisa. nas ruas vemos pessoal de todos os géneros e feitios e já não há grandes crises. há pouco mais de 10 anos ainda me lembro de me chatearem na rua por ter cabelo comprido.

alguém que passa por aqui já viu as fotos de casamento do thurston moore com a kim gordon em 84? aquilo é que era ... (até dói)

todas as décadas tiveram os seus pontos (sim, não, sopas), a partir dos 90's é o ecletismo, às vezes nota-se mais um ou outro revivalismo, mas já tá tudo misturado e eu acho que isso é uma vantagem.

superpiloto disse...

queria dizer tornozelos

Pedro Carvalho disse...

sem duvida!

Joe disse...

os echo 80-84 são uma das minhas bandas preferidas de sempre. quando penso neles só penso nesse período. o que veio depois nem conta. são 4 discos fantásticos, dos quais o meu favorito varia entre o porcupine e o heaven up here.
O ano passado vi-os, finalmente, em vilar de mouros. soube a pouco, estão velhos, era de dia, o som estourou quase no fim, só estavam 2 dos 4 membros originais, mas mesmo assim ainda bem que fui.

Anónimo disse...

Isso do revivalismo, lá está, a culpa é do gauguin.
Quanto aos echo, pois é, eram muito bons mas não há obrigatoriedade de continuarem a ser. São muito bons para dias de chuva e sempre os achei muito cinematográficos, aquela voz muito intensa, ao contrário das vozes esganiçadas típicas da época, cheias de tiques, cujo expoente máximo fossem talvez os devo, não é?

Susana

superpiloto disse...

Gauguin, sem dúvida

Ricardo Salazar disse...

foda-se !!!!!! só vi isto hoje!!!!
sade!!!!! só se for o marquês, cara***!!!!!!
meu deus!!!!
só por uma vez se disse algo a um dj no rádio e foi quando ele passou essa megera!!!!
"e eu a pensar que me iam insultar por colocar a sade em destaque"...
que se passa, capitao?

eduardo disse...

Sade é fixe. Sempre é melhor que passar Lionel Richie como certa pessoa que eu cá conheço :-)