segunda-feira, dezembro 19, 2005

canções viciantes de 2005

é postar as canções que mais vos entusiasmaram com data de 2005, repito, 2005.

Para já ficam estes como aperitivo:

Lcd Soundsystem - "Tribulations"
Sons & Daughters - "Medicine"
Adam Green - "Emily"
Kills - "Good Ones"
Coral - "In The Morning"
Raveonettes - "Twilight"
Adam Green - "Carolina"
Magic Numbers - "Forever Lost"
White Stripes - "Blue Orchid"
Shout Out Louds - "Comeback"
British Sea Power - "Please Stand Up"
Nada Surf - Always Love"
Ladytron - "Destroy Everything You Touch"
Low - "California"
Acid House Kings - "Do What You Wanna Do"

26 comentários:

dedos-bionicos disse...

mais um post para bater records...

Grandaddy - "Florida"
The Cloud Room - "Hey Now Now"
The Coral - "Far From the Crowd"
Clap Your Hands Say Yeah - "The Skin Of My Yellow Country Teeth"
Death Cab For Cutie - "Different Names For The Same Thing"
Clientele - "My Own Face Inside the Tress"
Gravenhurst - "Animals"
Mobius Band - "Multiply"
.....

Anónimo disse...

Evitando as repetições desnecessárias:
Brakes- ring a ding ding
Duke Spirit-cuts across the land
The ponys-glass conversation
Editors-Munich
Caesars- it´s not the fall that hurts
Calla-Play dead

atari disse...

sem repetir algumas das mencionadas:
-editors_blood
-we are scientis_nobody move, nobody get hurt
-rakes_strasbourg e retreat
-maximo park_apply some pressure
-franz ferdinand_do you want to
-kaiser chiefs_i predict a riot
-whitey_leave them all behind e non stop
-22-20's_shoot your guns
-m83_teen angst
-clor_love+pain
-tiefschwarz_wait and see
-autolux_here comes everybody

e mais algumas...

Anónimo disse...

Lcd soundsystem - give it up
why? - rubbertraits

Smog - palimpset (a lembrar os tempos de "the doctor came at dawn"
Smog - say valley maker (a lembrar os tempos de "red apple falls"

luís

Pedro Carvalho disse...

Algumas já estão acima, aqui seguem as outras; vão falhar muitas, de certeza:

Shipping News - Axons and Dendrites (a "canção" do ano!)

Wilderness - Post Plethoric Rhetoric
Bloc Party - Banquet (apesar da overdose)
Nada Surf - Do it again
Black Mountain - Don't Run Our Hearts
Clap Your Hands Say Yeah - Over and over again (lost and found)
Rosebuds - Boxcar
Raveonettes - Sleepwalking
Devendra Banhart - Santa Maria da Feira (não que que a ache uma grande canção, mas pelas recordações que traz)
Micah P. Hanson - Don't you
Constantines - Love in Fear
New Pornographers - The bleeding heart show
The Fall - Blindness
Spinto Band – Oh Mandy
Bishop Allen – Little Black Ache
Thee More Shallows - 2am
White Stripes – My Doorbell
Ladytron - High Rise
Wolf Parade - Dinner Bells

Nalguns casos podia referir + umas quantas dos mesmos albuns; Raveonettes, Rosebuds, Ladytron, Wilderness, etc. fizeram autenticas colectaneas de singles este ano, e que se valem pela soma das partes, nalguns casos valem ainda + pelo todo. Seria mesmo curioso a seguir fazer uma lista das melhores sequencias de canções, uma variante talvez menos explorada; ou então cada qual sugerir uma colectanea e os outros tentarem queimar uns cd's e experimenta-las!

eduardo disse...

We Are Scientits - "The Great Escape". Creio que ouço esta música todos os dias.

Anónimo disse...

new order - waiting for the sirens' call
stars - calendar girl

luis

dedos-bionicos disse...

Syd Matters - To All of You, a mais viciante do ano......

Anónimo disse...

Everybody makes mistakes but i feel alright when i come undone...
Ora, viciante, viciante é mesmo isto.

A cunhadinha

PS- Não se esqueçam: na oração, o sujeito nunca se deve separar do predicado por vírgulas.

Anónimo disse...

Só mais uma coisa que não tem a ver com o assunto tratado: alguém me dá argumentos para deixarem de pôr #*@! toranja €$@# aqui no local de trabalho???
É que eu já não aguento. chuif.

A cunhadinha

Pedro Carvalho disse...

A minha tática é simples em casos como o teu; começas por levar para o escritorio um disco de que gostes, que potencialmente agrade a toda a gente e que possa abrir portas (ouvidos, neste caso) - usa por exemplo os Nouvelle Vague, espalha afirmações como "é demais não é?", explica a relação do nome Nouvelle Vague com a bossa nova e a new wave e tenta gerar consensos positivos; passada essa fase com sucesso, reconhecem em ti potencial para lhes dar a conhecer novas musicas e aí... aproveitas! (com subtileza). O problema "toranja" é grave, eu sei, mas tem solução!

evilheatguy disse...

chemical brothers "believe"
kaos "boogie boy"
maximo park "going missing"
out hud "Dear Mr. Bush, There Are Over 100 Words for Shit and Only 1 for Music"
goldfrapp "ooh la la"
vicious five "bad mirror"
whitey "leave all them behind"

são as q ouvi e passei mais vezes, tornaram-s assim num vício...

Anónimo disse...

Pedro: agradeço o teu mui simpático conselho. Na verdade, já trouxe o disco de nouvelle vague até aqui e toda a gente gostou. Quase roçou o exagero e até o enjôo as vezes que o disco tocou por aqui. Conclusão: tentaram (e conseguiram!) impingir coisas como damiens rices, antony & the johnsons e new model armys(?????-que grande pôrra)e o camandro. Tivemos que arranjar um sistema de rotatividade e (lá vou eu tocar a mesma tecla) não me deixam ir muito mais longe que bloc e arcade. Mais uma vez, obrigada pela sugestão.

A cunhadinha

Pedro Carvalho disse...

eh eh, não está facil...! Já experimentaste Death Cab for Cutie, Clientele, Raveonettes, Rosebuds, Rogue Wave, Clap your hands...?

PS-Antony no escritorio...? Glup, parece um bocado tortura...

Anónimo disse...

Madonna - último single (não sei o nome)

Agent Provocateur

dedos-bionicos disse...

Cunhadinha.
Uma boa maneira de te livrares desse pesadelo no teu trabalho é fazeres uma boa colectânea com cenas tipo: Frente, Papas Fritas, Magic Numbers já sabes cenas que entrem bem nos ouvidos de toda a gente, depois pões em shuflle e lembra-te de renovar a colectânea de pelo menos semana em semana....

dedos-bionicos disse...

e mais uma canção viciante:

Stars - "Soft Revolution"

Anónimo disse...

Cmpanheiro dedos bionicos vamos lá ver: tratar a minha cunhadinha por cunhadinha implicava que ...
é melhor não entrares por aí. Como sei que desconhecias o parentesco tás à vontade.
Abraços

Luís

Anónimo disse...

Caro Dedos Biónicos, Pedro, Capitão, Cunhadão e todos que regularmente comentam neste blog: obrigada. Obrigada por cultivarem um gosto selectivo pela música que vos leva a serem criteriosos e exigentes com a qualidade daquilo que ouvem. Acho que é por isso que a vossa curiosidade vos leva a encontrar coisas diferentes, originais e, sobretudo, deleitosas para os ouvidos. Mas não se iludam: por cada nota de bom gosto, lá vem um agent provocateur qualquer espetar-nos com o último single da madonna.
hélas.

A cunhadinha

Anónimo disse...

Lembro-me que no passado mês, no blogue dedos bionicos era aconselhado uma coisa que era capaz de passar muito bem aí no gabinete - Luísa Mandou um Beijo.

Luís

Anónimo disse...

mais vale tarde que nunca:
editors - munich
dears - lost in the plot
patrick wolf - teignmouth
bloc party - banquet
low - monkey
why - gemini
13 & god - men of station
broken social scene - 7/4 shoreline
andrew bird - a nervous tick motion...
smog - the well
boards of canada - chromakey dreamcoat
ladytron - destroy everything you touch
um bom 2006 para todos
Pedro Fernandes

Anónimo disse...

Falar de 2005 sem mencionar os INDÚSTRIAL 3 é como fazer salada de frutas sem frutas.

Ass. QUERO UM BIIFFEEE

Anónimo disse...

2005 Ano do belo concerto de Indústrial 3. O ano foi deles.
MARIA CACHUCHA

Anónimo disse...

Para mim sai um panadinho e batatas fritas.

Rapa o tacho disse...

viva a revolução

JAP disse...

LCD e Ladytron.
Bom 2006.